29 de nov de 2007

Einstein e a teoria da relatividade


NÓS OS JULGAMOS irracionais, tolos, impulsivos. Mas, na verdade, são eles que zombam da gente. Golfinhos, chimpanzés, cães, gatos e papagaios até fazem de conta que são tontos e inocentes, os pilantras. No entanto, basta juntar meia dúzia de abobados em volta para eles inverterem a ‘ordem natural’ das coisas e virarem as estrelas do show. Tudo assim, muito relativo.

É ou não é, Einstein?




Como bem disse o mestre gaúcho Mário Quintana, 'O que impressiona, à vista de um macaco, não é que ele tenha sido nosso passado: é este pressentimento de que ele venha a ser nosso futuro'.


Um comentário:

Marion disse...

Eu quero o Einstein p/ mim!!! Ia ensinar ele a cantar as músicas de cheerleaders!!!

Related Posts with Thumbnails