20 de nov de 2007

Parabéns, África!


DIZEM QUE JESUS era negro. Pelas características dos povos que habitavam a região onde nasceu, pelos relatos de suas gerações seguintes e pelos sugestivos sinais de Oxalá. Negro, mulato, pardo, moreno ou branco de olhos azuis, como foi pintado pelo clero ocidental, Jesus ganhou seus dias em nosso calendário (graças à imaginação capitalista, passou a dividi-los com um certo velhinho de barbas brancas e com o coelho dos ovos de chocolate). Agora, ou melhor, desde o ano passado, os negros também ganharam seu dia. 20 de novembro: o Dia da Consciência Negra.

Pra mim, o dia da Consciência Negra é mais que um punhado de shows e passos de capoeira, de reconhecimento da importância que essa raça trouxe e continua trazendo para a nossa cultura e de dribles e enterradas desconcertantes de alguns dos maiores jogadores negros do mundo. É o dia de olharmos além do Atlântico e nos depararmos com aquele continente tão parecido com o nosso no formato, mas tão diferente em todos os outros aspectos. Muitos de nós até fazem de conta que o progresso chegou na África, ou aceitam a idéia de que é das diferenças que sobrevive o capitalismo neoliberalista. Mas, no fundo, todos sabemos o que se passa por lá, das injustiças sociais e econômicas, que fazem um sem número de vítimas de dinastias opressoras muitas vezes financiadas por você-sabe-quem.

É duro ter orgulho de um lugar que, quando não lembrado pelas crianças desnutridas, doenças venéreas disseminadas e secas intermináveis, é visto como simba-safari de aventureiros abastados. Doravante, a África conseguiu parir filhos pródigos, e, se não foi a mãe de Jesus Cristo, nos deu outros rebentos de muito valor. Do cinema à política, das quadras de basquete aos palcos, eles são os melhores no que fazem, e provam a cada dia que o preconceito é uma espécie em extinção.

Pode acender as velinhas: a festa é deles!!!!

Parabéns Camila Pitanga, Lázaro Ramos, Aílton Graça, Zezé Motta, Don Cheadle, Will Smith, Denzel Washington, Morgan Freeman, Jamie Foxx, Cuba Gooding Jr., Eddie Murphy, Martin Lawrence, Danny Glover, Whoopi Goldberg e Halle Berry, por trazer mais atitude e sensibilidade à TV e ao cinema;


Parabéns Pelé, Michael Jordan, Shaquille O'Neal, Lewis Hamilton, Tiger Woods, Venus e Serena Williams, Formiga, Dida, Robinho, Ronaldinho, Leandrinho, Nenê, Janeth, Escadinha, Fofão, Fabiana e Jadel Gregório, por arrebentarem nas quadras, pistas e campos por aí;

Parabéns Leci Brandão, Luciana Mello, Paula Lima, Martinho da Vila, Paulinho da Viola, Milton Nascimento, Gilberto Gil, Jorge Ben, Jair Rodrigues, Djavan, Seu Jorge, Luiz Melodia, Jorge Aragão, Tony Garrido, Beyoncé, Rihanna, Kanye West, Jay-Z, Akon e Lauryn Hill, por escrever, cantar e mostrar que talento é repetição e persistência, e não apenas dom inato;

E um parabéns especial àqueles que viveram para mostrar que não importa de onde você veio, vale a pena acreditar e lutar por seu sonho, seja ele qual for. Zumbi dos Palmares, Martin Luther King, Nelson Mandela, Muhammad Ali, Ray Charles, John Coltrane, Jimmy Hendrix, Jesse Owens, Bob Marley, Peter Tosh, Grande Otelo, Mussum, Cartola, Pixinguinha e Tim Maia, praticando sua arte, deram a dica: você é o que você ama.

Agora vou nessa, que a feijoada e o quindim da vovó me esperam!




3 comentários:

Jo-jo disse...

Onde eu assino??

MJ disse...

Gostei da parte da Rihanna e Beyoncé =D

bjinhusss

Tony disse...

GRAAAAAAAAAAAAAAAAAAANDE JESSE OWENS!!!

Related Posts with Thumbnails