10 de jan de 2008

4 Esquadrões e um Bebê

Pelotão Tricolor no treino/Globoesporte.com


ENQUANTO A COPA SÃO PAULO de Futebol Juniors come solta, os clubes se preparam para a temporada de 2008. E olha: nesse ano, novidade é o que não falta. Parece que foi preciso o São Paulo conquistar o principal campeonato do país com cinco rodadas de antecedência para os outros times acordarem para a realidade.

A julgar pelas contratações, dois cariocas largam na frente na missão de bater o tricolor paulista. Flamengo e Fluminense trouxeram bons reforços, e se juntam ao Inter na condição de promessas do 1º semestre. Quanto ao bebê, bem... apesar de ser recém-nascido, deve dar trabalho. Dizem que já está engatinhando, o danado, com seu bonezinho de lado e o macacãozinho alvi-negro. Ah, e parece que puxou o pai - mal sabe falar e já é devoto de São Jorge.

A seguir, uma breve pincelada no quarteto, com os pitacos do adivinho do blog:


FLAMENGO - cadê Ronaldo?


Quem chegou:

ZG - Rodrigo (Dínamo de Kiev)
VL - Gavilán (Grêmio)
MD - Marcinho (Atlético MG) e Jônatas (Espanyol)
AV - Éder (Guarani)

Quem pegou o chapéu:

ZG - Helder (Boa Vista/RJ)
MD - Roger (Corinthians)
AV - Leonardo (Paraná) e Bruno Mezenga (Macaé)

Quem pode pintar:

AV - Diego Tardelli (São Paulo), Falcão García (River Plate) e Bruno Moraes (Porto)

Provável time-base: 4-4-2

Bruno, Léo Moura, Rodrigo, Fábio Luciano e Juan; Gavilán, Kléberson, Ibson e Renato Augusto; Obina e Souza.
T: Joel Santana

Anna Lise: não é um timaço, mas é equilibrado em todas as posições. Tem uma das melhores defesas do país, com uma dupla de zaga consistente e experiente e laterais ofensivos. O meio-campo é forte e criativo, e o ataque, com mais um ou dois reforços, será também perigoso.

Carlton Nostradamus Fox: não acredito que vá longe na Libertadores, mas o time desponta como favorito para conquistar o Carioca. Se não vender ninguém - e Joel não começar com suas lambanças -, vai lutar pelo título Brasileiro.


FLUMINENSE - banzaaaaaaaaaaaaaaiiiiiii!


Quem chegou:

LE- Gustavo Nery (Corinthians)
ZG - Rodrigo (Dínamo de Kiev)
MD - Ygor (Start) e Conca (Vasco)
AV - Leandro Amaral (Vasco), Dodô (Botafogo), Washington (Urawa Reds)

Quem pegou o chapéu:

LE - Ivan (sem clube)
MD - Juliano (sem clube)
AV - Alex Dias e Jean (Vasco), Adriano Magrão (sem clube)

Quem pode pintar:

MD - Jádson (Shakhtar Donetsk)

Provável time-base: 4-3-3

Fernando Henrique (Diego), Gabriel, Thiago Silva, Luiz Alberto e Gustavo Nery; Arouca, Thiago Neves e Conca; Leandro Amaral, Washington e Dodô.
T: Renato Gaúcho

Anna Lise: tá, vai, o esquema acima é kamikaze total. Mas, se funcionar, é uma máquina! O Flu tem o melhor time do país do meio pra frente (conta ainda com os bons atacantes Cícero e Soares), e se Renato Gaúcho souber pôr em prática a marcação por pressão, vai colher maduro.

Carlton Nostradamus Fox: gosto demais desse time. Vai precisar de cautela para ir longe na Libertadores (deve chegar até às quartas), e desponta desde já como um dos favoritos ao caneco do Brasileirão.


CORINTHIANS - unhéééééééé...

Quem chegou:

T - Mano Menezes (Grêmio)

LD - Alessandro (Santos)

LE - André Santos (Figueirense)

ZG - William (Grêmio), Chicão (Figueirense), Suárez (Unión San Felipe), Valença (Náutico)

VL - Perdigão (Vasco)

MD - Rafinha (São Bernardo), Marcel (Palmeiras)

AV - Acosta (Náutico), Lima (São Caetano), Herrera (Gimnasia La Plata)

Quem pegou o chapéu:

T - Nelsinho Baptista (Sport)

GK - Marcelo (Ituano)

LE - Gustavo Nery (Fluminense)

ZG - Betão (Santos), Zelão (Saturn), Kadú (Bragantino) e Fábio Braz (sem clube)

VL - Rafael Fêfo (Marília), Ricardinho (sem clube)

MD - Roger (sem clube)

AV - Wilson, Clodoaldo, Arce, Júnior Negão (sem clube)

Quem pode pintar:

VL - Fabinho (Toulouse)


Provável time-base: 3-5-2

Felipe, William, Chicão e Suárez; Alessandro, Perdigão (Carlos Alberto), Lulinha, Rafinha (Herrera) e André Santos; Acosta e Finazzi.

T: Mano Menezes

Anna Lise: como não poderia ser diferente, o Timão nasceu de novo - dispensou um time inteiro e contratou outro. No papel ficou bem cascudo, como pede a Segundona e a Copa do Brasil. Discordo dos que criticam as contratações. A zaga é jovem e compacta, os laterais são talentosos e a dupla de ataque, apesar de feia pra dedéu, tem talento para botar a bola pra dentro.

Carlton Nostradamus Fox: acredito no novo Curíntia. Com Mano no comando, o Timão fará boa figura no Paulista, vai até a finalíssima da Copa do Brasil e chega, aos trancos e barrancos, entre os quatro que sobem para a elite.



INTERNACIONAL - a volta dos diabos vermelhos

Quem chegou:

LD - Bustos (Grêmio)

MD - Andrezinho (Pohang Steeler)


Quem pegou o chapéu:

LD - Élder Granja (Palmeiras)
AV - Cristhian (Portuguesa)

Provável time-base: 4-4-2

Clêmer (Renan), Bustos, Orozco, Sidnei e Marcão; Wellington Monteiro, Magrão, Guiñazu e Alex; Fernandão e Nilmar.
T: Abel Braga

Anna Lise: já começou o ano bem, com o título de Dubai (venceu o Stuttgart e seu xará italiano na final). Fortíssimo em casa e com a base de 2007 mantida, aposta na força da dupla Nilmar e Fernandão para conquistar o gaúcho e a Copa do Brasil. É o time mais forte fora do eixo RJ-SP.

Carlton Nostradamus Fox: Inter, Inter... Parece que há uma mística nessa camisa vermelha, que cresce demais quando joga fora do país. É uma pena que não esteja na Libertadores, mas deve compensar com um título gaúcho e outro da Copa do Brasil.

...


Times realmente promissores. No entanto, terão que se desdobrar para terem um elenco, prática que o São Paulo cultua há pelo menos quatro anos. Vamos ao balancê do Tricolor:


SÃO PAULO - nas barbas do Imperador

Quem chegou:

LD - Joílson (Botafogo)

ZG - Juninho e Alex (Botafogo)

VL - Fábio Santos (Cruzeiro)

AV - Adriano (Inter de Milão)

Quem pegou o chapéu:

ZG - Breno (Bayern Munique)

LE - Jadílson (Cruzeiro)

VL - Fernando (sem clube)

AV - Diego Tardelli (sem clube)

Quem pode pintar:

VL - Dudu Cearense (CSKA)

MD - Pedro Ken (Coritiba)

AV - Éder Luís (Atlético MG)

Provável time-base: 3-5-2

Rogério Ceni; Alex Silva, Miranda e Juninho; Joílson, Hernanes, Richarlyson, Jorge Wagner e Junior; Dagoberto e Adriano.

T: Muricy Ramalho

Anna Lise: basta dizer que o time campeão brasileiro com sobras é praticamente o mesmo, com um reforço de (muito) peso: o imperador Adriano. A manutenção do treinador e da base e a contratação definitiva de Jorge Wagner deixam o São Paulo na mesma posição dos últimos três anos: favorito a tudo.

Carlton Nostradamus Fox: se Adriano colocar a cabeça - e o copo - no lugar e as contusões não afetarem o time, o São Paulo tem tudo para ser campeão de todos os torneios que disputar. Aposto minhas fichas mesmo na Libertadores, com Adriano artilheiro e mais dois ou três jogadores negociados a peso de ouro.

...

Além dos TOP 5, vale ressaltar o time do Palmeiras, que trouxe Vanderlei Luxemburgo e comissão e luta para contar com reforços de peso. Se concretizar a contratação do meia Diego Souza e das revelações do Coritiba (Henrique, Pedro Ken e Keirrisson), entrará no seleto grupo acima, e será o grande favorito à conquista do Paulistão, título que conquistou pela última vez no distante 2006.

Saudações da Terrinha,


Um comentário:

Vickye disse...

Posso saber cadê o Santástico????

Related Posts with Thumbnails