17 de jul de 2008

EM CARTAZ: Kung Fu Panda


DE TODAS AS ARTES marciais com berço no oriente, o kung fu é sem dúvidas a mais misteriosa e charmosa. Seja pelos movimentos graciosos, pelo estilo ou pela filosofia, a luta atravessou a barreira imaginária e ideológica que nos separa da turma de pálpebras sem dobrinha e caiu de vez no gosto ocidental.

Bruce e Brandon Lee, Jet Li e Jackie Chan deram a letra de lá. Mark Dacascos e Jean Claude Van Dame - o forte de Chuck Norris era o karatê, e de Steven Seagal, o Aikidô - trataram de disseminar a arte milenar nas sangrentas sessões da tarde de cá. Sempre, claro, ensinados por um mestre oriental baixinho e ranzinza (eternizado na figura do mestre Pat Morita), que imprime em seus pupilos os valores íntegros da arte: humildade, respeito e superação.

Acrescente a isso o elemento natureza, simbolizado pelas montanhas e cachoeiras e por um imponente dragão, e você tem a fórmula que consagrou centenas de filmes Hollywood e Hong-Kong afora. Até chegar nas brilhantes mentes do pessoal da Disney-Pixar.


Kung Fu Panda
('Kung Fu Panda', 2008)
Animação, 92 min.


Direção: Mark Osborne e John Stevenson
Roteiro: Jonathan Aibel e Glenn Berger, baseado em história de Ethan Reiff e Cyrus Voris
Com: vozes de Jack Black (Po), Angelina Jolie (Tigresa), Dustin Hoffman (mestre Shifu), Jackie Chan (Macaco) e Lucy Liu (Víbora). Na versão dublada, participação de Lúcio Mauro Filho (Po) e Juliana Paes (tigresa)

Sinopse: Po é um panda hiperativo e destrambelhado, que trabalha no restaurante de sua família. Até que um acidente de percurso faz Po ser escolhido o 'Dragão Guerreiro', desbancando os favoritos Garça, Tigresa, Víbora, Macaco e Louva-Deus. Ele correrá contra o tempo para entrar em forma e tornar-se um lutador de kung-fu e proteger o Vale da Paz do leopardo Tai Lung.

Bastidores:
* O estilo de luta dos integrantes dos Cinco Furiosos - os mestres Macaco, Tigresa, Garça, Louva-deus e Víbora - é composto por técnicas de artes marciais baseadas nos próprios animais;
* O nome 'Shifu' significa mestre/professor, traduzindo do chinês.


Por que assistir: apesar do roteiro capenga, 'Kung Fu Panda' cumpre sua missão. Com um visual de tirar o fôlego, mensagem devidamente transmitida e um protagonista à imagem e pança do pateta Jack Black, o filme consegue entreter sem ser cansativo, e se vale do carisma de Po para arrancar boas gargalhadas. Ponto para a Dreamworks, que dessa vez pensou mais nos pimpolhos e conseguiu um bom substituto (ainda que não à altura) para o lendário Shrek.

Ah! Para os que virarem Panda lovers, a turma do Ronald tá dando a coleção completa dos personagens junto do irrisório McLanfe Cheliz.

Avaliação: @@@ LEGALZINHO...









♠ Informações retiradas do site AdoroCinema





2 comentários:

Jo-jo disse...

Ponto pra Dreamworks?????

Sei não.....

BJ disse...

Sou mais o Wall-E!

Related Posts with Thumbnails